Aos gritos de ‘ladrão’, deputado aliado de Temer chega ao Brasil

O deputado federal Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), que até março era assessor especial do presidente Michel Temer, desembarcou hoje no aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. Ele estava em Nova York e chegou ao Brasil aos gritos de “ladrão”. Ele foi alvo da Operação Patmos deflagrada com base em delação premiada de Joesley Batista, um dos donos do frigorífico JBS.

De acordo com a delação, Rocha Loures foi indicado por Temer a Joesley para resolver uma pendência da empresa no Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica). O empresário o procurou, negociou pagamentos de propina com ele e marcou um encontro para entregar o dinheiro. Os investigadores filmaram o deputado pegando uma mala com 500.000 reais em uma pizzaria em São Paulo, conforme imagens divulgadas na quinta-feira pelo jornal O Globo.

Escreva sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Lista de comentários