Casal é preso por prática de agiotagem e ameaça de assassinato em Pernambuco

Magnum Christiam Ferreira Gomes e Jaciane Silva de Assunção foram presos em flagrante suspeitos de praticar extorsão majorada pelo concurso de pessoas e crime de usura, conhecido como agiotagem.

O casal foi preso nas proximidades do Banco Bradesco do bairro de Casa Amarela, Zona Norte do Recife, na sexta-feira (7), enquanto cobravam a dívida de uma das vítimas. A detenção somente foi divulgada à imprensa nesta quarta-feira (12).

A prisão da dupla tornou-se possível após uma das vítimas do casal procurar a polícia, alegando que estaria sendo ameaçada de morte, com disparos contra o rosto, por conta de dívidas de empréstimo.

De acordo com o delegado Ramon Teixeira, a vítima teria marcado um encontro para pagar um valor menor ao que lhe era cobrado, e assim foi realizado o flagrante. O valor da dívida, com os juros extorsivos impostos pela agiotagem, ultrapassava R$ 100 mil.

“São valores abusivamente praticados, em questão de juros, e bem acima dos valores do mercado. Isso caracteriza, inclusive, crime contra a economia pública”, explicou o delegado Ramon Teixeira afirma.

As investigações da Polícia Civil apontam que existam muitas outras vítimas do casal. Com eles foram apreendidos cinco telefones celulares e R$ 5.626 em dinheiro, além de cadernos com anotações da agiotagem.

Foto: Divulgação / PCPE

Escreva sua opnião

O seu endereço de e-mail não será publicado.