Chuva causa alagamentos no Grande Recife e na Zona da Mata de Pernambuco

As chuvas na Região Metropolitana do Recife e na Zona da Mata de Pernambuco neste domingo (22) causaram alagamentos e transtornos para moradores de algumas cidades dessas duas regiões do estado.

Na capital pernambucana, várias vias ficaram alagadas, como as ruas 21 de Abril, na Zona Oeste; e Doutor José Mariano, no Centro; e a Avenida Boa Viagem, na Zona Sul.

Em Olinda, houve pontos de acúmulo de água no bairro dos Bultrins. Na madrugada deste domingo (22), a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) emitiu um alerta para chuvas ocasionalmente fortes no Grande Recife, na Zona da Mata e no Agreste. 

No Recife e em Olinda, o acumulado de chuvas em 24 horas chegou a 69 milímetros.

O município mais atingido pelas precipitações neste fim de semana foi Barreiros, na Zona da Mata Sul, onde, em 24 horas, foram registrados 105 milímetros, o equivalente a 40% da chuva esperada para todo o mês de abril na cidade. A média esperada para os 30 dias do mês era de 260 milímetros. Em segundo lugar, vem Tamandaré, no Litoral Sul, com mais de 96 milímetros.

De acordo com Thiago do Vale, meteorologista da Apac, a previsão é de que volte a chover na noite deste domingo (22). “As precipitações foram causadas pelo fenômeno ‘extremidade frontal’, que vem da Região Sul do Brasil, que, desde o sábado (21), se deslocou de Alagoas para Pernambuco, causando uma desestabilização da atmosfera”, explicou.

G1

Escreva sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Lista de comentários