É melhor não

Por Lauro Jardim

Mesmo tendo aprovado uma Reforma Trabalhista ontem, Michel Temer não fará o tradicional pronunciamento presidencial em cadeia nacional de rádio e TV no dia 1º de maio.

Escreva sua opnião

O seu endereço de e-mail não será publicado.