Ouro Branco: Denis Rildon fala sobre a união com o grupo de Dr. Araújo

Pré-candidato a prefeito fala na união com o grupo de Dr. Araújo e diz que vai conversar com população sobre alternativas

O empresário Dnis Rildon, pré-candidato a prefeito pelo PSDB conversou sobre as últimas movimentações políticas de Ouro Branco e a união com o grupo do vice-prefeito Dr. Araújo (PSDB), que também se coloca à disposição do povo para concorrer à chapa majoritária em 2020.

“A oposição se mostrou forte na Convenção do nosso PSDB, onde recebeu diversas filiações de nomes que tem o interesse em concorrer. Durante a semana foram 100 novas filiações. Vamos conversar com a população sobre ideias e projetos que inovem e ofereça emprego e renda. Quando se investe no Turismo e em eventos, o povo ganha em várias frentes. Dr. Araújo é um nome que além de serviços prestados é o único médico 24 horas de plantão em nossa cidade. Ele cuida da saúde do povo”, frisou Denis.

Sobre as articulações dos vereadores Júnior Nogueira e Rogério Lucena em fazer a oposição unida, Denis elogiou a costura dos dois nomes. “Tanto Júnior, que me ofereceu a primeira oportunidade de trabalho na vida, como Rogério, homem simples, de palavra, que tem história e serviços prestados tanto na Zona Rural, como na cidade, os dois tem habilidade. Precisamos somar sim. O nosso grupo aceita somar com formas novas e com nomes que também tem experiências e conhecem a política da nossa terra”, afirmou o jovem empresário.

Denis Rildon admite que não terão como dividir a oposição. “Soube que estão torcendo pela nossa divisão. Mas essa palavra não consta no nosso dicionário. Aqui não terá candidato de bolso. Vamos escolher o nome que o povo quiser. Não vivo de política, Dr. Araújo também não. Somos filhos de Ouro Branco e amamos nossa terra. O povo conhece minha história de criança. Dr. Araújo também nasceu em Ouro Branco. Sei que com o fechamento da Maternidade e Hospital, as mães da nossa terra precisam se deslocar para Caicó, Jardim do Seridó, Parelhas e até para a Paraíba. Vamos tentar voltar a ter ourobranquenses, com a volta da Maternidade”, sugeriu Denis Rildon.

Escreva sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Lista de comentários