Acusado de matar a cunhada, uma criança de 12 anos, é condenado a 23 anos de cadeia

O tribunal do Júri de Apodi-RN condenou Paulo Batista de Souza, 24 anos, a 23 anos de prisão pelo morte da menina Maria Clara da Silva, de 12 anos de idade.

Paulo de Souza confessou ter matado a menina, que por sinal era sua cunhada, e revelou que o motivo da tamanha barbaridade teria sido simplesmente por que estava com raiva da garota. 

Maria Clara foi levada para um matagal e morta por estrangulamento. 

Escreva sua opnião

O seu endereço de e-mail não será publicado.