Câmara de Parnamirim tem maior bancada feminina de sua história

Quase 30 anos depois da eleição das duas primeiras mulheres para o posto de vereadora na Câmara Municipal de Parnamirim, o parlamento parnamirinense tem a maior bancada feminina de sua história – com seis mulheres eleitas. 

Percentualmente, a representatividade aumentou bastante, de 14,3%, em 1992 – primeira legislatura com vereadoras eleitas –, para 30% na atual. Contudo, esse recorde está abaixo da meta estipulada pela ONU (Organizações das Nações Unidas), que seria de 50%, ou seja 9 do total das 18 vagas.

Para as eleições de 2020, a Emenda Constitucional (EC) nº 97/2017 determinou o fim das coligações. Com isso, cada partido deverá, individualmente, indicar o mínimo de 30% de mulheres filiadas para concorrer no pleito no ato do pedido de registro de candidaturas à Justiça Eleitoral. No entanto, a cota garante as candidaturas, mas não a eleição das mulheres para os legislativos municipais, estaduais e federal. 

Conheça as vereadoras da atual legislatura:

*Ana Michele –  É enfermeira e possui Doutorado em Saúde Coletiva. Exerce seu primeiro mandato e é a 1º Secretária da Comissão Permanente de Saúde, Educação e Assistência Social na atual legislatura, dentre outras atribuições.

*Fativan Alves (PSDB) – É pedagoga e atualmente está em seu primeiro mandato na Câmara Municipal de Parnamirim e é integrante da Comissão Permanente de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente.

*Kátia Pires (DEM) – É advogada e pós-graduanda em Direito Público. Atua como presidente da Comissão Permanente de Finanças, Orçamento e Fiscalização Financeira e está em seu quinto mandato, além de ser líder do governo na Câmara.

*Raimunda Nilda (PRP) é Pedagoga e especialista em Gestão Escolar, está em seu primeiro mandato e atua como membro da Comissão Permanente de Saúde, Educação e Assistência Social.  

*Rhalessa de Clênio (PODEMOS) –  É bacharel em Direito, pós-graduada em Gestão Pública. Em seu primeiro mandato, é presidente da Comissão Permanente de Constituição, Legislação e Redação Final e membro da Comissão Permanente de Finanças, Orçamento e Fiscalização Financeira.

*Vandilma Oliveira (MDB) –  É professora e está no exercício de seu primeiro mandato. Na Câmara Municipal, ela é presidente da Comissão Permanente de Saúde, Educação e Assistência Social e é a única mulher a participar da Mesa Diretora da Casa.

Escreva sua opnião

O seu endereço de e-mail não será publicado.