Blitz educativa une Detran, CPRE, autoescolas e estudantes de Apodi


A cidade de Apodi, na região Oeste do estado, recebeu nessa quarta-feira (19), uma ação educativa focada na conscientização do cidadão no sentindo de zelar pela boa prática no trânsito, contribuindo dessa forma com um trânsito seguro e mais humano. A blitz educativa reuniu o Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran), estudantes da Escola Estadual Professor Antônio Dantas, o pelotão do CPRE de Apodi e as autoescolas situadas no município.

A ação faz parte do projeto Educação para o Trânsito que na ocasião trabalhou o tema “Cidadão + Atento, Trânsito + Seguro”. Nesse sentido, condutores, veículos e pedestres foram abordados pelo grupo participante da blitz educativa, que levou informações importantes sobre segurança viária, normas básicas previstas no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), e, principalmente, o fortalecimento da consciência de que a segurança no trânsito é um benefício coletivo, ou seja, toda a sociedade é contemplada.

Um ponto importante da ação é a integração dos profissionais responsáveis pela fiscalização viária e os estudantes de escola pública. “Nesse caso, é possível tornar a blitz mais edificante e educativa, já que os alunos passam a se sentir parte do processo de promoção da segurança no trânsito, gerando dessa maneira mais responsabilidade e formando multiplicadores”, comentou o diretor-geral do Detran, Eduardo Machado.

A blitz educativa integrada realizada em Apodi está na segunda edição e deve ser continuada com a missão de contribuir com a segurança do trânsito municipal.

Detran forma gratuitamente 35 agentes de autoridade de trânsito


A Escola Pública de Trânsito do Detran (Eptran) concluiu o Curso de Formação de Agente de Autoridade de Trânsito com uma grande blitz pedagógica focada na Operação Lei Seca. A ação ocorreu na última noite do Carnatal e mobilizou todos os agentes participantes da capacitação, a exemplo de guardas municipais de São Gonçalo do Amarante, da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), agentes de trânsito do município de Parnamirim, policiais da Lei Seca e servidores do Detran.

No total, foram formados pelo Detran 35 profissionais que atuam na área de fiscalização de trânsito no âmbito estadual e municipal. Na instrução prática os instrutores comunicaram sobre os procedimentos da abordagem e uso do etilômetro, que é o equipamento para medir o índice de alcoolemia dos motoristas. Os veículos também passaram pela análise da documentação legal, além da verificação de placas, targetas, chassi, entre outros.

O curso de Formação de Agente da Autoridade de Trânsito contou com carga horária de 200h/aulas e ocorreu conforme as resoluções, portarias e atualizações normativas expedidas pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

A grade curricular da capacitação contemplou nove módulos abordando as temáticas de “Legislação de Trânsito”; “Noções de Engenharia de Tráfego e Sinalização de Trânsito”; “Legislação de Trânsito Aplicada”; “Ética e Cidadania”; “Psicologia Aplicada”; “O Papel Educador do Agente”; “Língua Portuguesa”; “Operação e Fiscalização de Trânsito”; e “Prática Operacional”.Mais >

Aceitação espontânea por placas no padrão Mercosul supera estimativa do Detran


A procura espontânea pelo novo modelo de placas automotivas no padrão Mercosul vem crescendo no Rio Grande do Norte desde a implantação do sistema ocorrido na última sexta-feira (14). A avaliação do Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) é de que a aceitação do público superou o esperado pela instituição, que nesses primeiros dias teve que tomar algumas providências para organizar a demanda, dando prioridade aos serviços relacionados ao primeiro emplacamento e a transferência de propriedade de veículo.

O diretor-geral do Detran, Eduardo Machado, enumerou três benefícios que ele considera importantes para explicar a alta procura de maneira espontânea, mesmo sem a necessidade da troca imediata das placas. “A placa no padrão Mercosul está bem distante no quesito modernidade em relação as placas antigas, pois o novo modelo traz mais segurança, durabilidade e economia, já que tem um tempo maior de vida útil e dispensa alguns serviços que antes eram cobrados, a exemplo do lacre”, comentou.

No quesito economia, os proprietários de veículos emplacados no padrão Mercosul não vão mais precisar adquirir outra placa ou targeta quando o automóvel sofrer alteração de município ou de unidade de federação, já que a placa se mantém inalterada com padrão nacional de circulação no Brasil e demais países do Mercosul.

Outro ponto está relacionado a colocação do lacre, que foi extinto e substituído por um código de barras impresso na placa de modelo novo. “A compra e colocação de lacre é um serviço que o proprietário deixa de pagar com as placas Mercosul. E essa instalação de lacre era um serviço rotineiro no Detran, pois a quebra ou violação do plástico é comum acontecer e levava o cidadão a ter um custo econômico e de tempo para enfrentar o processo de relacração. Agora esse procedimento é anulado”, explicou o diretor.Mais >

Placas Mercosul – Troca espontânea


O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) informa ao público em geral que devido a alta procura dos proprietários de veículos pelo serviço de substituição das placas automotivas antigas pelas novas placas no padrão Mercosul estamos tomando as seguintes medidas durante este mês de dezembro:

1- A prioridade dos emplacamentos será para veículos zero-quilômetro e os que sejam objeto de transferência de propriedade;

2- Nos casos de troca espontânea de placas é preciso que os interessados façam o agendamento na sede administrativa do Detran, (situada na Av. Perimetral Leste, 113, bairro de Cidade da Esperança, Natal-RN), sendo atendido com no mínimo com 48 após a solicitação;

3- Os agendamentos desse tipo de serviço serão realizados apenas até o final deste ano, sendo logo em janeiro de 2019 normalizada a situação, fazendo com que o interessado baste apenas ir a um posto do Detran e solicite a abertura do processo específico.

Departamento Estadual de Trânsito do RN

Natal-RN, 17 de dezembro de 2018

Detran contabilizar mais de 1,4 mil testes de bafômetro durante o Carnatal


O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) apresentou na manhã desta segunda-feira (17), o balanço das fiscalizações preventivas efetivadas pela Operação Lei Seca durante o Carnatal. Os dados apontam para a realização de 1.415 testes de etilômetro em duas noites sequenciadas de fiscalização nas ruas próximas ao evento.

No total, foram registradas 122 autuações por infração as regras legais de trânsito, sendo que dessa soma, 81 condutores foram flagrados por desrespeito a Lei Seca, quatro motoristas presos por crime de trânsito e outras 41 infrações notificadas por motivos diversos.

A ação alcançou a marca de 3 mil fiscalizações incluindo condutores e veículos averiguados durante o Carnatal. As blitzen realizadas nas avenidas Prudente de Morais e Engenheiro Roberto Freire, além das ruas próximas ao estádio Arena das Dunas, conseguiram retirar diversos motoristas embriagados das ruas da capital, o que resultou em índice zero de acidentes de trânsito envolvendo foliões.

Durante as fiscalizações dois casos chamaram a atenção dos policiais da Operação Lei Seca. Na primeira situação, um condutor tentou se evadir da blitz e jogou o veículo perigosamente sobre os policiais. O cidadão foi perseguido e preso, além de ter o carro retido e levado ao depósito de veículos apreendidos do Detran. No segundo caso, um folião tentou ludibriar os policiais chegando a beber e jogar perfume em si mesmo na intenção de mostrar que não havia ingerido bebida alcoólica e que o bafômetro registrava perfume, porém não conseguiu ludibriar a fiscalização e foi autuado.

O diretor-geral do Detran, Eduardo Machado, avaliou positivamente o trabalho de fiscalização no Carnatal apontando para a perspectiva do número de acidentes e de vítimas fatais do trânsito preservadas com a trabalho assíduo produzido pela equipe da Operação Lei Seca. “O trabalho foi realizado com competência e com o único e exclusivo objetivo de preservar vidas no trânsito, zelando por condutores e pedestres, e isso foi alcançado inibindo a combinação perigosa de álcool e direção”, comentou.

O motorista flagrado dirigindo embriagado é punido com retenção da CNH, apreensão do veículo, que só será liberado com a presença de um condutor habilitado, multa no valor de R$2.934,70 e sete pontos na carteira, além de outras penalidades administrativas (artigo 165 CTB). Isso se o teste de bafômetro acusar até 0,33 mg/l de álcool por litro de sangue no organismo ou se ele se recusar a fazê-lo.

Se o teste acusar a partir de 0,34 mg/l, ou se ele se recusar a fazê-lo, mas apresentar sinais visíveis de embriaguez, além de responder nos termos do artigo 165, vai ser enquadrado no artigo 306 (crime de trânsito): será preso e conduzido à Delegacia de Polícia, onde será iniciado o devido processo legal, respondendo pelo crime que prevê a punição de seis meses a três anos de prisão.

Detran implanta sistema de placas automotivas no padrão Mercosul


O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) inicia hoje (14) a implantação do sistema que vai possibilitar que os veículos cadastrados no Estado sejam emplacados com placas no padrão Mercosul. Os veículos zero quilômetro que forem emplacados a partir desta data já receberão as placas padronizadas utilizadas nos países do Mercosul. A medida efetivada pelo Detran está prevista na resolução 729/2018 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

Nesse primeiro momento, a iniciativa será dirigida ao emplacamento dos automóveis zero quilometro e para os que precisarem realizar serviços que alterem o registro de veículo, a exemplo de mudança de município ou de proprietário. Nos demais casos, os donos de automóveis têm até cinco anos para efetivar a mudança da placa antiga para o modelo Mercosul, porém aquele que deseja efetivar de imediato a mudança também pode realizar procurando uma unidade do Detran.

O diretor-geral do Detran, Eduardo Machado, explicou que o novo modelo traz maior segurança contra a clonagem e adulteração, já que dispõe de itens mais fáceis de identificação e mais complexo para possíveis falsificações, como também possibilita uma quantidade maior de combinações originando novas identificações para os veículos. “O novo modelo vem com QR Code único e conterá todos os dados de confecção da placa, desde a identificação do fornecedor até o número, data, ano e modelo de fabricação do carro, além de permitir a rastreabilidade dela. Dessa forma, a fiscalização identifica rapidamente onde a placa foi confeccionada e a qual veículo pertence”, informou.Mais >

Comunicado – Veículos de outros estados


O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) vem a público informar que a partir desta terça-feira (11), a abertura de processos para realização de serviços referentes a veículos de outras unidades federativas (estados) diferentes do Rio Grande do Norte está suspensa. A medida se faz necessária devido a necessidade de reorganização técnica da Coordenadoria de Registro de Veículo do Detran. Esses serviços voltarão a funcionar normalmente a partir do primeiro dia útil do ano de 2019.

Ressaltamos ainda que os processos abertos de veículos de outras unidades federativas que não forem finalizados até o final deste ano (2018) serão automaticamente cancelados na virada do ano.

 Departamento Estadual de Trânsito do RN

Natal-RN, 11 de dezembro de 2018

Detran inicia aula prática de formação de Agente de Autoridade de Trânsito


A Escola Pública de Trânsito do Detran (Eptran) iniciou nessa segunda-feira (10), as aulas práticas do curso de formação de Agente da Autoridade de Trânsito. A primeira intervenção tratou da realização de uma blitz pedagógica realizada no bairro de Cidade da Esperança, em Natal, onde os instrutores apontaram as normas e os procedimentos de abordagem e de fiscalização de condutores e veículos.

Durante a instrução, os alunos que estão sendo capacitados abordaram motocicletas, automóveis de passeio e caminhões. Os veículos passaram pela análise da documentação legal do condutor e do automóvel, como também a verificação de placas, targetas, chassi, entre outros. O procedimento envolveu agentes da Guarda Municipal de São Gonçalo do Amarante, Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), Agentes de trânsito do município de Parnamirim, policiais da Lei Seca e servidores do Detran. Todos esses agentes estão sendo capacitados pela Eptran de maneira gratuita.

O curso de Formação de Agente da Autoridade de Trânsito foi iniciado pelo Detran no início do mês de novembro e segue até o final deste mês. A capacitação conta com carga horária de 200h/aulas e ocorre conforme as resoluções, portarias e atualizações normativas expedidas pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). A grade curricular contempla nove módulos abordando as temáticas de “Legislação de Trânsito”; “Noções de Engenharia de Tráfego e Sinalização de Trânsito”; “Legislação de Trânsito Aplicada”; “Ética e Cidadania”; “Psicologia Aplicada”; “O Papel Educador do Agente”; “Língua Portuguesa”; “Operação e Fiscalização de Trânsito”; e “Prática Operacional”.

O diretor-geral do Detran, Eduardo Machado, ressaltou a importância do curso de agente de autoridade de trânsito e a responsabilidade da Eptran na formação de profissionais aptos a contribuir com a segurança, prevenção e a fiscalização de trânsito. “A Eptran é um braço de formação do Detran que foi criado com o objetivo de contribuir com a humanização e a profissionalização do agente de trânsito. São vários cursos realizados pela Eptran e em todos eles vemos um passo à frente para garantir a segurança viária”, disse.

EPTRAN

A Escola Pública de Trânsito do Rio Grande do Norte (EPTRAN/RN) foi instituída em 16 de setembro de 2016. É uma Assessoria de Cursos subordinada ao Denatran, vinculada ao Gabinete da Direção e com apoio da Coordenadoria de Educação e Fiscalização de Trânsito do Departamento Estadual de Trânsito do Rio Grande do Norte (Detran).

Ela fundamenta-se nos seguintes dispositivos legais: Código de Trânsito Brasileiro (Artigo 74, parágrafo 2º); Resolução do Contran nº 515, de 24 de dezembro de 2014; Portaria n° 1.697 (Detran/RN), de 16 setembro de 2016. Sua missão é ser uma ferramenta de desenvolvimento que contribua para um trânsito mais seguro, humanizado e com inclusão social através da qualificação contínua da sociedade. Localiza-se no prédio da Coordenadoria de Operações do Detran, em Natal.

Detran-RN suspende emplacamentos de veículos na quarta e começa a usar padrão do Mercosul na sexta; entenda


O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) informa aos usuários dos serviços prestados pela instituição, que devido a implantação do sistema de emplacamento de veículos dentro do padrão de Placas Mercosul, o Detran não estará abrindo processos relacionado a Registro de Veículos (transferência e primeiro emplacamento) nas próximas quarta-feira (12) e quinta-feira (13), voltando a operar normalmente às 11h da sexta-feira (14).

Ressalta-se que os processos de veículos abertos a partir da sexta-feira (14), já estarão com o emplacamento dentro padrões de registro de Placas Mercosul, como determina o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

Quem precisa trocar

O novo padrão só precisa ser adotado para o primeiro emplacamento e, para quem tiver a placa antiga, no caso da troca de município ou propriedade.

Detran prioriza segurança dos turistas em blitz direcionada a bugueiros


O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) realizou no sábado (08) uma grande blitz tendo como objetivo principal o zelo pela segurança dos turistas que utilizam os serviços de buggy turismo no Estado. A fiscalização montada na Via Costeira envolveu técnicos do Detran e policiais rodoviários estaduais, que focaram na ação veículos e condutores de buggys.

A fiscalização priorizou o horário em que o sistema de buggy turismo sai dos hotéis levando os turistas para os passeios. Os técnicos do Detran abordaram cerca de 50 buggys, que foram minuciosamente fiscalizados pelos agentes, que checaram a habilitação completa dos condutores e a documentação dos automóveis, como também a situação de segurança dos veículos.

A ação resultou no registro de seis autos de infração por motivos diversos, entre eles um motorista de buggy turismo teve a CNH retida pela equipe de fiscalização. O documento de habilitação estava vencido, o que impossibilita o motorista de conduzir veículo automotor. Outros três bugueiros flagrados com débitos em abertos realizaram o pagamento das taxas via aplicativo de celular para serem liberados pelos agentes.Mais >

Lei Seca finaliza novembro com duas grandes blitzen em Natal e Parnamirim


O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) encerrou os dois últimos dias do mês de novembro com duas grandes blitzen de fiscalização realizadas pela Coordenação da Operação Lei Seca. As intervenções que aconteceram nos municípios de Natal e Parnamirim mobilizaram todo o efetivo operacional, resultando na fiscalização de mais de 800 motoristas em duas operações.

Durante a ação os policiais conseguiram flagrar 76 condutores dirigindo veículos sob influência de bebida alcoólica. Um deles chegou a ser detido e conduzido à Delegacia após a constatação de índice de embriaguez dentro dos parâmetros que tipifica crime de trânsito. A operação ainda registrou 27 infrações de trânsito por motivos diversos e um veículo foi retido e conduzido ao pátio de automóveis apreendidos do Detran.

O coordenador da Operação Lei Seca do Detran, tenente-coronel Francisco Flávio dos Santos, informou que as blitzen serão intensificadas neste final de ano, principalmente nas proximidades de datas comemorativas. “Ressaltamos que as operações da Lei Seca estão sendo intensificadas nesse período de férias, festejos de final de ano e operação verão. Tudo visando evitar acidentes e possíveis vítimas. As blitzen irão ser realizadas em vários locais e horários diversos. A população deve se conscientizar do grande perigo de beber e dirigir”, alertou.

De acordo com dados coletados pelo setor de Estatística do Detran, nos 10 primeiros meses deste ano a Operação Lei Seca fiscalizou 29.288 motoristas. Desse total, 2.618 foram flagrados dirigindo alcoolizado, sendo 93 presos por crime de trânsito. “Esses números nos faz ver a importância da Operação Lei Seca para a preservação da vida no trânsito, pois são quase três mil motoristas embriagados que conseguimos tirar de circulação e possivelmente preservar as suas vidas e a de terceiros”, argumentou o diretor-geral do Detran, Eduardo Machado.

O motorista flagrado dirigindo embriagado é punido com retenção da CNH, apreensão do veículo, que só será liberado com a presença de um condutor habilitado, multa no valor de R$2.934,70 e sete pontos na carteira, além de outras penalidades administrativas (artigo 165 CTB). Isso se o teste de bafômetro acusar até 0,33 mg/l de álcool por litro de sangue no organismo ou se ele se recusar a fazê-lo.

Se o teste acusar a partir de 0,34 mg/l, ou se ele se recusar a fazê-lo, mas apresentar sinais visíveis de embriaguez, além de responder nos termos do artigo 165, vai ser enquadrado no artigo 306 (crime de trânsito): será preso e conduzido à Delegacia de Polícia, onde será iniciado o devido processo legal, respondendo pelo crime que prevê a punição de seis meses a três anos de prisão.