Vivaldo analisa cenários políticos para próximas eleições de Acari, São Vicente, Cruzeta e São José

O deputado Vivaldo Costa (PSD) comentou em seu programa de rádio nesta quinta-feira (17), apresentado em várias emissoras do estado, os cenários das próximas eleições de alguns municípios do Seridó. Vivaldo disse, baseado em pesquisas que tem feito, além do que tem ouvido nas cidades, sua opinião sobre 2020.

Acari
“Em Acari eu sou eleitor de Isaías Cabral. O candidato a prefeito que ele escolher, também será o meu”

Na cidade e Acari o prefeito Isaías Cabral (MDB), deverá apresentar um candidato, que unirá seu sistema político. Cabral, é bem avaliado como prefeito e tem desempenhado um mandato com muitas obras pelo município. Vivaldo disse que infelizmente o mandato de Isaías acabará, pois ele é um grande administrador. “Em Acari eu sou eleitor de Isaías Cabral. O candidato a prefeito que escolher, também será o meu. Mas sinto que tem um candidato natural, que é o vice-prefeito Fernandão. Um homem ético, decente, trabalhador e amigo leal a Isaías. Na minha visão Fernandão tem tudo para dar continuidade ao trabalho de Isaías”, avaliou Vivaldo.

São Vicente
“Iracema com toda boa vontade não conseguiu fazer quase nada”

A prefeita Iracema Pereira (MDB) está em seu primeiro mandato, com possibilidade de disputar as eleições municipais de 2020. Pelas pesquisas realizadas por Vivaldo, Iracema não está agradando. “Joci deixou uma prefeitura com muitas despesas e dívidas. E Iracema com toda boa vontade não conseguiu fazer quase nada. Ela faz um esforço imenso para pagar o comércio, funcionários, as dívidas e não sobra recursos para investimentos. Ai o povo lembra do vereador Neguinho Gabriel, que está sendo estimulado a disputar a prefeitura de São Vicente”, concluiu.

Cruzeta
“Os amigos de Joaquim começam a cobrar sobre esta parceria com Sally, que não está dando certo”

O atual prefeito Sally Araújo (PSD), tem um trabalho de visibilidade. Tem organizado a administração. Mas Vivaldo considera que o ex-vereador Joaquim, filho do ex-prefeito ‘Medeirinho’, que faz parte do grupo do prefeito Sally, também poderá disputar a prefeitura. “Joaquim esperou demais por uma oportunidade de se tornar prefeito. Sally candidatou Joaquim, mas ficou fora da campanha. Mas mesmo sozinho teve uma votação altamente expressiva. Ele poderia ter sido o prefeito depois disso, mas Sally não convidou ele sequer para ser vice-prefeito. A esposa de Joaquim, Arilúzia Araújo, foi eleita a vereadora mais votada. Ela também tem todas as condições de ser vice-prefeita, todos esperavam que ela fosse a presidente da Câmara, mas não aconteceu nenhum gesto de Sally. Os amigos de Joaquim começam a cobrar sobre esta parceria com Sally, que não está dando certo. O movimento tem crescido, incentivando Joaquim a disputar a prefeitura”, disse Vivaldo.

São José do Seridó

“Noé Carcará, hoje é muito magoado com o bloco de Jackson e está sendo convidado a participar ativamente da campanha a reeleição de Miúda”

A prefeita Maria Dalva, conhecida como Miúda (MDB), está em seu primeiro mandato e pode disputar a reeleição, muitos dizem que ela não entrará na disputa. Porém a prefeita tem sido incentivada para renovar o mandato. Miúda é bem avaliada. “A temperatura política ferve em São José do Seridó. Os correligionários de Miúda estão entusiasmadíssimos para renovar o mandato da atual prefeita. Noé Carcará, que foi vice-prefeito de Jackson Dantas, hoje é muito magoado com o bloco de Jackson e está sendo convidado a participar ativamente da campanha a reeleição de Miúda. Noé foi o responsável pela eleição de Jackson, ele foi muito importante como vice-prefeito. Na cidade tem um comentário que existia um compromisso dele ser o prefeito, depois de Jackson, e passou batido. A família guarda mágoas, o bloco guarda mágoas deste comportamento e agora quer dar o troco, aliando-se a Miúda e derrotando Jackson”, revelou Vivaldo.

Escreva sua opnião

O seu endereço de e-mail não será publicado.