Vivaldo pede em regime de urgência providências para garantir o combate à chikungunya no RN

O Rio Grande do Norte registrou um aumento de aproximadamente 4.100 casos de chikungunya a mais no ano de 2019, os dados são comparativos com o ano de 2018.

A informação foi noticiada e confirmada pela Secretaria de Estado da Saúde Pública. Preocupado com esta notícia o deputado Vivaldo Costa (PSD), solicitou em pedido de urgência, providências para garantir o combate à chikungunya no Estado do Rio Grande do Norte.

O pedido foi encaminhado ao secretário de Saúde Pública, Cipriano Maia de Vasconcelos. De acordo com o boletim epidemiológico, entre os meses de janeiro e outubro deste ano, 13.355 casos suspeitos, com 5.276 confirmados.

“Faz-se necessário a realização de ações de prevenção e educação em saúde executadas pelos municípios, bem como orientar e supervisionar o trabalho realizado pelos agentes de endemias para controle do vetor, o mosquito Aedes Aegypti”, contou Vivaldo.

Escreva sua opnião

O seu endereço de e-mail não será publicado.