Tite deve chegar à CBF nesta sexta-feira

Tite se despediu do Corinthians na última quarta-feira/ Foto: Agência Corinthians
Tite se despediu do Corinthians na última quarta-feira / Foto: Agência Corinthians

Tite deve chegar nesta sexta-feira à sede da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), no Rio de Janeiro, para assinar contrato e ser anunciado oficialmente como o novo técnico da seleção brasileira.

De acordo com o secretário geral da entidade, Walter Feldman, o ex-técnico do Corinthians deve acertar todos os trâmites nesta sexta-feira. O horário, no entanto, não está definido.

“Ontem (quarta-feira) houve um contato e, ao que tudo indica, amanhã (sexta-feira) o Tite deve estar na CBF para produzir a formalização final”, disse durante entrevista ao ‘Esporte Notícia’, da Rádio Bandeirantes, nesta quinta-feira.Mais >

Presidente da CBF não comparece à CPI do Futebol e pode ser levado à força em próxima reunião

Senador Romário - Foto: Divulgação
Senador Romário – Foto: Divulgação

O presidente da CPI do Futebol, senador Romário (PSB-RJ), afirmou que vai pedir auxílio da Justiça Federal para que o atual presidente da CBF, Antônio Carlos Nunes, o Coronel Nunes, compareça ao colegiado.

Nunes alegou compromissos com a seleção brasileira para faltar à CPI. O novo encontro está marcado para o dia 16 de março.

Primeira Liga se reúne por apoio a Flamengo e cogita resposta dura em nova briga com CBF

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Com mais um novo conflito envolvendo um de seus filiados, os membros da Primeira Liga se reúnem na tarde desta terça-feira, no Rio de Janeiro, para discutir os próximos passos da entidade. Na pauta, estará a decisão recente da CBF de proibir o Flamengo de escolher Brasília como a sua sede no Brasileiro, em medida atribuída pelo clube a um complô da Ferj (Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro). Conforme apurado pela reportagem do ESPN.com.br, é aguardada uma resposta dura ao fim do encontro.

Entre os defensores da postura, está o presidente do Conselho Deliberativo do Atlético-PR, Mario Celso Petraglia.Mais >