Agropecuarista com residência e negócios em Caicó e na Paraíba é achado morto em fazenda no Goiás

Um agropecuarista goiano e bastante conhecido na região do Seridó e em cidades do Sertão da Paraíba é achado morto com perfurações de tiros no estado do Goiás.

Ozair, muito conhecido como Goiano, foi proprietário da grande fazenda Mulungu, localizada no município de São José do Brejo do Cruz, no vizinho estado da Paraíba.

De acordo com um amigo do agropecuarista que conversou a pouco com o blog Jair Sampaio, a motivação para o crime ainda é totalmente desconhecida pela família.

O Goiano já teve um irmão assassinado naquele mesmo estado, e em face a este crime ele veio morar no Nordeste, especialmente em Caicó, com negócios na Paraíba.

Filho de caicoenses foi morto junto com a companheira na cidade de Goiânia, em GO


O casal Camila Edna Silveira de Oliveira, de 28 Anos, e Mário Silva de Moura, de 26, foi morto a tiros na noite de domingo (17) no Residencial Primavera, em Goiânia (GO). Segundo a Polícia Civil, os dois foram assassinados logo depois de voltar da igreja.

O caso ocorreu por volta das 23h. Testemunhas disseram à polícia que um homem os chamou no portão, entrou e cometeu o crime. O jovem caicoense foi baleado dentro de casa. Já Camila tentou escapar, mas foi atingida quando estava na calçada.

O delegado Dannilo Proto, da Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH), esteve no local para colher as primeiras informações. Ele disse que o casal não tinha antecedentes criminais. Até o momento, foram traçadas duas linhas de investigação.Mais >

Seridoense, operador de máquinas morre em acidente de moto em Rio Verde, Goiás


Um jovem operador de máquinas e natural da cidade de Cruzeta-RN, morreu vítima de acidente de moto em Rio Verde, no Goiás. Jackson Weslley Medeiros tinha um sonho, comprar uma moto 1.000 cilindradas, conseguiu, e foi nela que ele morreu. Mais >

Perito em crimes de roubo a banco; Norte-riograndense é preso com fuzil e logística


Na manhã desta quinta-feira o Serviço de Inteligência do 28° BPM (Anápolis) recebeu uma denúncia anônima que indicava que um criminoso conhecido como “Vei Lourenço”, estava em Anápolis/GO, se reunindo com outros criminosos para juntos explodirem na madrugada desta sexta-feira a agência da Caixa Econômica Federal da cidade de Silvânia. Mais >

Namorado é denunciado por matar fisioterapeuta no GO; denuncia MP


O Ministério Público de Goiás (MP-GO) denunciou o engenheiro agrônomo Diego Henrique Lima, de 30 anos, por matar a namorada, a fisioterapeuta Caillane Marinho, de 27, dentro de casa, em Vianópolis, no sul de Goiás. De acordo com a promotoria, ele atirou contra a vítima de forma livre e consciente, por não aceitar o fim do relacionamento.Mais >

Em Goiás estudante é esfaqueada por ex que não aceitou o término do namoro

G1- A estudante Franluíscyli Mendonça, de 15 anos, foi esfaqueada na rua de sua casa, em Pires Rio, no sudoeste de Goiás, no sábado (6). Segundo a mãe da garota, a funcionária pública Adriana Luciana Mendonça, o ex-namorado da filha, de 18 anos, foi o autor do crime. Ela diz que o jovem atacou a vítima por não aceitar o término do relacionamento. O estado de saúde dela é regular.

Adriana conta que o namoro dos dois sempre foi instável. Eles ficaram juntos por um ano, mas, nesse tempo, terminaram e voltaram algumas vezes. “Ele fez isso (crime) por ciúmes. Qualquer coisa ele brigava com ela, parece que é bipolar” Depois da discussão, a funcionária pública disse que ele pegou uma faca e atingiu a garota cinco vezes. Em seguida, fugiu. “Até agora a polícia não prendeu ele, então a gente fica com medo que ele possa voltar e fazer alguma outra coisa”, disse Adriana, em tom preocupado.

Mais >

Irmã denuncia irmão por maus tratos em Natal

Acusado pela irmã de maus tratos a mãe e de quebrar tudo em casa atrás de dinheiro para comprar entorpecentes, Ozildo Bezerra, que se diz artesão, foi conduzido, na noite do último sábado (30), a delegacia de plantão da Polícia Civil para esclarecimentos ao Delegado.

Lá, foi constatado que existe em desfavor dele um mandado de prisão em aberto expedido pela vara criminal do estado de Goiás. Ozildo Bezerra ficou detido na plantão e ficará a disposição da justiça do estado de Goiás.