Projeto presidencial naufraga e Doria admite disputar governo de São Paulo

O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), admitiu publicamente que o seu projeto presidencial perdeu força e que hoje uma candidatura ao governo de São Paulo é mais provável. O tucano sublinhou, contudo, que precisará do apoio do governador paulista, Geraldo Alckmin (PSDB), com quem por meses disputou tacitamente a candidatura da sigla à Presidência da República. 

Indagado pelo apresentador José Luiz Datena, da TV Bandeirantes, nesta quinta-feira (23), se cogitava entrar na eleição estadual, Doria assentiu e declarou abertamente apoio aos planos nacionais de Alckmin, gesto pelo qual era cobrado no PSDB.

“É uma opção, sim, claro. Se isso fortalece uma candidatura do PSDB, se isso fortalece uma candidatura de Geraldo Alckmin, para que possa conduzir uma campanha vitoriosa à Presidência, eu tenho de estar ao lado do Brasil e das pessoas que podem ajudar o país”, afirmou.Mais >

João Doria com um pé no DEM

Se não conseguir o posto de candidato tucano à presidência em 2018, João Doria pode trocar o PSDB pelo DEM; o prefeito de São Paulo já negocia este cenário com a sigla; não se pode assegurar, ainda, como tudo é incerto, que o DEM vai fechar com Doria, ou se vai preferir Henrique Meirelles, de quem se aproxima também muito pelas teses da economia e das reformas. Ou se vai de Rodrigo Maia, também uma possibilidade, menor, porque pode esperar até para consolidar a envergadura política recentemente adquirida.

Prefeito João Doria Jr. recebe executivos da Air Europa Linhas Aéreas em São Paulo

Enrique Martín-Ambrosio, diretor-geral Brasil e de Expansão da América Latina da Air Europa, se encontrou na última sexta-feira (19), em São Paulo, com o prefeito da cidade, João Doria Jr. Na ocasião, foram debatidas propostas para o estabelecimento de parceria e desenvolvimento de possíveis ações entre a companhia área espanhola e a Prefeitura de São Paulo, para incentivar o desenvolvimento do turismo da/na capital paulista, bem como promover o destino nos países em que a companhia opera no continente europeu. Mais >

Flores ao chão, Doria indelicado

Doria joga no chão flor recebida de ciclista em homenagem a mortos nas Marginais

O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), recebeu neste domingo (30) flores de uma ciclista que o abordou na saída da cerimônia de abertura da Japan House, na Avenida Paulista, região central da capital. A lembrança, no entanto, não agradou Doria, que atirou as flores pela janela do carro em que estava.Mais >