Bolsonaro diz que só abandona candidatura se for morto ou tirado na “covardia”

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) disse, nessa quarta-feira (10), que só abandona a corrida presidencial se for morto ou tirado na “covardia”. A declaração foi feita em vídeo publicado no Facebook, e em resposta à reportagem do jornal Folha de S. Paulo relatando suspeitas sobre o patrimônio da família do político.

“Só em duas situações eu posso não estar neste ano no debate presidencial: se me tirarem na covardia por um processo qualquer ou se me matarem. Não estou preocupado com isso. Se me matarem, vão ter que me enterrar”, disse.

O presidenciável ainda disse que com a reportagem denunciando o patrimônio de cerca de R$ 15 milhões da família Bolsonaro, a Folha queria colocar ele no ‘mesmo nível do PSDB’. “Eu não sou corrupto, não sou citado em nenhum escândalo, tá comprovado”, diz.

Bolsonaro também fez a seguinte descrição sobre ele: “Sou aquele intruso no poder, não tenho nenhum governador me apoiando, sou sozinho”.

Veja vídeo no link:  https://www.facebook.com/jairmessias.bolsonaro/videos/985723144910005/

Escreva sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Lista de comentários