Brasil tem ‘problemas’, mas não está ‘doente’, diz Dilma no Programa do Jô

A presidente Dilma Rousseff afirmou em entrevista exibida na madrugada deste sábado (13) no Programa do Jô que, embora necessite de um ajuste fiscal para equilibrar as contas públicas, o Brasil não está “estruturalmente doente”.

Ela também disse que aprendeu a conviver com as críticas que recebe, mas se queixou da dose: “Tem horas que exageram um pouco. Pegam pesado”.

A presidente classificou como momentâneos os “problemas e dificuldades” do país, e apontou o ajuste fiscal como necessário para uma rápida retomada do crescimento econômico.

Escreva sua opnião

O seu endereço de e-mail não será publicado.