Colóquio discute em Caicó os desafios da formação na área de saúde

A Escola Multicampi de Ciências Médicas (EMCM) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) vai realizar de 26 a 28 deste mês, no Campus Caicó, o I Colóquio Norte-Nordeste de Ciências Sociais e Humanas na Educação das Profissões da Saúde.

Um dos objetivos principais do evento é debater as demandas dos cursos da área de saúde no que diz respeito aos conhecimentos ligados às Ciências Sociais e Humanas. O colóquio será composto de comunicações orais, pôsteres, conferências de abertura e encerramento, além de palestras e debates.

Segundo o professor Lucas Pereira de Melo, vice-diretor da ECMC, a discussão é necessária porque a formação em Medicina está em expansão de vagas, além da criação de novos cursos no interior do Brasil alavancada pelo Programa Mais Médicos.

“São novas demandas e exigências para o ensino e a pesquisa na área de ciências sociais e humanas em saúde, notadamente pela natureza dos modelos pedagógicos adotados pelos novos cursos e a exigência de reorientação dos cursos em funcionamento. Tais demandas são voltadas ao desenvolvimento de competências e à inserção precoce dos estudantes em cenários reais na atenção primária à saúde”, explica Lucas Pereira.

Com o tema “As Ciências Sociais e Humanas em saúde e o ensino baseado na comunidade”, o evento é coordenado pelos professores Lucas Pereira de Melo, Ana Luiza de Oliveira e Oliveira e Tiago Rocha Pinto, com o apoio dos Laboratórios de Pesquisas Antropológicas em Medicina e Saúde e de Educação Aplicada às Novas Tecnologias, Mídias Interativas e Estudos Étnico-Raciais do CERES Caicó.

As inscrições são gratuitas e devem ser feitas até o dia 24 deste mês de novembro. Para isso deve-se enviar nome completo e a instituição que o participante integra para o e-mail: [email protected]

A programação completa do colóquio está disponível no seguinte endereço eletrônico:http://coloquiocsheducacao2015.blogspot.com.br/2015/10/boas-vindas-i-coloquio-norte-nordeste.html.

Escreva sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado.