Dnit não tem previsão para reparo em trecho de cratera na BR-101

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes no Rio Grande do Norte (Dnit) informou, nesta quarta-feira 14, que a cratera que se abriu na BR-101 Norte foi causada pelo colapso da estrutura de um bueiro existente no local. O buraco fica no Km 72 da BR-101, 400 metros após a avenida Moema Tinoco.

O ponto foi interditado para tráfego. O Dnit informou ainda que a equipe realizará a execução de um serviço temporário, a fim de viabilizar o tráfego, com restrições, e minimizar os transtornos aos usuários.

Porém, ainda não há um prazo para a conclusão do reparo. “A execução da obra demandará um tempo mais longo, ainda não determinado, em razão da necessidade de elaboração de projeto e a realização de serviços de engenharia mais complexos”, diz a nota.

Um caminhão, que funciona como guincho, estava com outro carro em cima quando a pista cedeu e o caminhão ficou com a parte da frente toda dentro do buraco.

Escreva sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado.