EM JARDIM DE PIRANHAS, crime que chocou o país completa 25 anos: 4 crianças espancadas a pauladas, 2 morreram

O Professor Geraldo Raimundo relembrou ontem em sua conta no Facebook um bárbaro crime contra dois de seus quatro filhos ocorrido há exatos 25 anos (dia 10 de agosto de 1995) no sítio Campo da Paz, em Jardim de Piranhas.

Ele recorda que era por volta das 13h30min quando o autor da tragédia, identificado como Paulo Fabrício de Oliveira, e conhecido como Paulo Véi, chegou na residência das vítimas procurando por sua própria esposa , que a mesma já havia passado pela residência das Vítimas. As 4 crianças estavam em casa sozinhas, trancadas, já o pai, o Sr. Geraldo Raimundo, tinha ido à cidade, e a mãe das crianças estava lavando roupa no rio Piranhas.

O acusado mandou que as crianças abrissem a porta, como as vítimas não cumpriram com a ordem, o criminoso quebrou a porta a pauladas e agrediu com o mesmo pau as 4 crianças que estavam no imóvel: Gerileusa de 11 anos, Gerilúzia de 10 anos, Gilderlan de 9 anos e Gilderlane de 7 anos, sendo que Gerilúzia e Gilderlan não resistiram e faleceram.

“Os vizinhos ouviram os gritos e correram para acudir as crianças, mas ao chegar no local todos já estavam no chão espancados. O agressor foi amarrado pelos vizinhos e a polícia o trouxe para a delegacia da cidade de Jardim. Depois de algum tempo o réu conseguiu atestado de insanidade mental se tornando um réu inimputável”, narrou o pai dos meninos.

Ainda segundo Geraldo, hoje se sabe que o autor do crime reside na cidade de Mossoró com alguém da família, a esposa o abandonou após o crime e não quis mais conviver com o mesmo.

O caso chocou o país e foi notícia nos maiores veículos de comunicação à época, imprensa falada, escrita e televisiva.

9 Comentários

radilson

ago 8, 2020, 10:44 am Responder

esse safado ainda é vivo ate hoje?

Milton

ago 8, 2020, 12:18 pm Responder

Lembro-me que o sistema de comunicação naquela época era tão difícil que eu era o cmt da guarnição em Caicó e ao ver veículos de Jardim socorrendo as crianças de cranio afundado por pauladas, pedi informações do local e me desloquei rápido de tal forma que a PM Caicó chegou ao local da ocorrência muito primeiro do que a viatura de Jardim. Mas já encontramos o criminoso amarrado na frente da casa pelo povo da comunidade rural.

José Nildo

ago 8, 2020, 3:04 pm Responder

Parabéns pela agilidade !

Ednardo Moura Júnior.

ago 8, 2020, 9:56 pm Responder

Caro redator, o autor do crime vive em tratamento crônico, ele esquizofrênico doença mental que não tem cura. Esse fatalidade até hoje faz as famílias sofrerem. Relembrar esse tipo de coisa é importante para nos atentarmos que doença mental é grave e as vezes deixa marcas irreparáveis em nossas vidas. É por isso que me dedico a psiquiatria, ajudar a evitar que esse tipo de sofrimento não aconteça mais.

GABRIEL FILHO

ago 8, 2020, 3:35 pm Responder

VI NO BLOG QUE RESIDE EM MOSSORO-RN

José Victor

ago 8, 2020, 4:36 pm Responder

Eram pra ter matado esse safado após ele ter feito o crime!!

geraldo faustino

ago 8, 2020, 5:31 pm Responder

PROFESSOR, Deus sempre esteve com você em todos os momentos difícil e iluminou seus caminhos para ter força para criar a família e continuar sendo essa pessoa honrada e de personalidade forte e de muito caráter. Parabéns por sua força e luta.

Edson

ago 8, 2020, 5:56 am Responder

esse safado já era pra tá no saco..FDP ,, nôs tempos de hoje..ele tava fudido. assacino covarde.

Anônimo

set 9, 2020, 6:37 am Responder

Alguém sabe onde ele mora em Mossoró? Pra mim dar uma noite de terror 😊

Deixe uma resposta para Edson Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.