Falta de soros faz bebê picado por escorpião viajar 100 km para ser atendido em João Pessoa

Um bebê de oito meses foi picado por escorpião no município de Guarabira, no Brejo paraibano, na manhã desta sexta-feira (12) e o Hospital Regional da cidade que normalmente dispõe do medicamento estava desabastecido.  A criança teve que viajar cerca de 100km até o Hospital Universitário Lauro Wanderley, em João Pessoa, para ser medicado.

O quadro de desabastecimento atinge 27 dos 31 hospitais que são referência para a aplicação do soro que combate a picada do inseto na Paraíba. O responsável pelo Núcleo de Controle de Zoonoses da Secretaria de Saúde do Estado, Assis Azevedo, informou que houve uma redução no fornecimento feito pelo Ministério da Saúde em todos os estados do País e a Paraíba está recebendo menos de 20 por cento do que recebia normalmente.

 A coordenadora de Imunização da SES, Isiane Queiroga, informou que a redução no fornecimento do soro antiescorpiônico para a Paraíba foi de 700 para 190 ampolas.

1 Comentário

José Roberto

jun 6, 2015, 3:44 pm Responder

Caico não fica atrás. A quantidade de pacientes transferidos para natal para procedimentos pífios é enorme. Resultado do caos de nossa saúde municipal. Ou seja : percorrermos 280km diariamente buscando atendimentos que na verdade deveriam ser feitos aqui no hospital regional.

Deixe uma resposta para José Roberto Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.