Ministério Público diz que a SETHAS fechou Restaurantes Populares por conta própria

Blog do BG – A assessoria do Ministério Público entrou em contato na noite deste quarta-feira com o blog, para informar que em nenhum momento, a entidade fez recomendação para o fechamento dos restaurantes, o que aconteceu foi que em uma reunião na manhã desta quarta-feira na secretaria de ação social, os promotores orientaram verbalmente que os contratos não fossem prorrogados emergencialmente com as empresas que tiverem problemas na licitação do dia 18/12.

Em contato com outro promotor, esse blogueiro teve a confirmação que a atitude do fechamento imediato dos restaurantes, foi unica e exclusivamente da própria Sethas.

A partir de segunda-feira, 19 mil pessoas ficarão sem acesso ao bandejão de R$ 1.00 no Rio Grande do Norte por tempo indeterminado e mais de 900 funcionários das 24 unidades dos restaurantes que funcionavam no RN serão chamados para rescisão do vinculo empregatício.

1 Comentário

paulo eduardo lucena

jan 1, 2016, 1:43 pm Responder

A solução para o não fechamento e aumentar o valor de cada refeição para 2,00 porque em restaurante nenhum do mundo o cidadão consegue fazer uma refeição por 1,00 no meu ponto de vista a solução que encontrei foi essa

Deixe uma resposta para paulo eduardo lucena Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.