“O Caminho”

E chegamos a este rombo por conta de uma corrupção desbragada. Corrupção que só alcançou níveis inimagináveis por conta da impunidade que até hoje insiste em se fazer presente por conta de tribunais que não julgam recursos de condenados que há muito deveriam estar atrás das grades. E em não punindo os corruptos o estímulo à prática da roubalheira continuará presente aumentando mais e mais o rombo.

Grande parte do rombo devemos à lerdeza do judiciário.

Acredito que este quadro de excessiva morosidade não se mantenha por muito tempo e em breve os corruptos começarão a cumprir penas merecidas. E em isto acontecendo uma diminuição na roubalheira acontecerá. Diminuição que já se percebe pela redução dos TED feito com pagamento na boca do caixa.

Estreitado o gargalho da corrupção o rombo crescerá bem mais devagar.

A partir do segundo semestre, opinião da maioria dos economistas, a produção vai crescer. E com o crescimento da produção o desemprego não continuará se agigantando. Mais empregos, mais produção, economia inicia uma fase de aquecimento que será a preparação para que decole em 2017.

Redução de despesas é que ainda continuará acontecendo de forma muito tímida.

É preciso que não apenas o governo federal reduza gastos. Os governos, em seus três níveis, não podem continuar mantendo cabides de empregos que afrontam aos que trabalham e produzem neste país.

Acabar com as mordomias existentes em todos os poderes é preciso. Fim de todos os penduricalhos. Fim de todas as leis que não passam de amparo a mordomias descabidas. O que acontece no Senado, Câmara Federal, Ministérios, Secretárias, Prefeituras e Câmaras de Vereadores é chocante. Fim da mordomia em todos os níveis e em todos os poderes. Que cada ocupante de cargo público banque as suas próprias despesas. Mas para fazer isto é preciso pulso firme. E pulso firme só pode existir num governo com amplo apoio popular, coisa que somente eleições gerais darão a quem se sentar na cadeira presidencial.

Conseguiremos aumentar a produção dentro de pouco tempo, Mas teremos que escolher entre redução de gastos, fim de todos os privilégios, ou aumento de impostos que nos empobrecerá ainda mais.

Ou todos se unem no combate à corrupção, via pressionar a justiça para que se torne menos morosa, ou seremos garfados através de novos tributos. Ou combatemos as mordomias e privilégios ou de pouco irá adiantar o aumento da produção. Produzir mais para pagar pensão a ex-governador, manter lei de mordomia, sustentar dotações orçamentárias e outras invencionices, que jogam nosso dinheiro no ralo do desperdício e da corrupção, levará o povo a um estado de revolta difícil de conter.

Que os nossos dirigentes pensem nisto. Ou a França de Luiz XVI não serviu de exemplo?

Inácio Augusto de Almeida

Jornalista

9 Comentários

Raimundo Doido

maio 5, 2016, 1:42 pm Responder

É isso mesmo Sr Augusto, os salários dos três poderes deve ser revisto assim como os seus aumentos, e ser definido com um aporte previsto para o ano assim como é feito dentro de uma empresa privada, agora quanto aos vereadores e deputados estaduais e seu secretariado não deve ser ter salários como é pago com hoje, eles deveriam receber um salários dentro suas profissões, médicos salario de sua classe, religiosos idem, e sindicalista também, salários predefinido somente para os prefeitos e governadores, e nada de cargos comissionados.

Inácio Augusto de Almeida

maio 5, 2016, 5:06 pm Responder

Raimundo, existem em quase todos os Estados brasileiros movimentos pela redução dos salários dos vereadores. Basta ver na internet. É um absurdo o que custa um vereador aos contribuintes. Só para você ter uma ideia, um vereador de Mossoró sai por mais de 105 mil reais por mês. Não falo do salário que é de mais de 14 mil reais. Falo do salário, verba da mordomia dos vereadores, planos de saúde, assessorias contábil e jurídica, assessores, despesas de manutenção de gabinete, aluguel do prédio onde funciona a CMM, água, luz, telefone, canal de televisão, publicações e tudo o mais que você possa imaginar. O valor que a prefeitura repassa mensalmente à CMM ultrapassa os 2 milhões de reais e utilizado fosse na Saúde em Mossoró não fataria insulina nem remédios para controle da pressão. Utilizado este dinheiro na Educação os professores teriam um melhor salário, a merenda escolar seria de qualidade e as crianças receberiam uniforme escolar e material escolar. Para que serve um vereador? Garanto que se fecharem as Câmara Municipais de todo o país ninguém iria nem notar.

Francisco Borges

maio 5, 2016, 7:57 pm Responder

Muito boa a matéria, mas seu autor deve está sonhando, pois só em sonho veremos os políticos cortarem suas mordomias.

Inácio Augusto de Almeida

maio 5, 2016, 2:44 am Responder

Francisco, só depende de nós vermos os políticos cortarem suas mordomias. Eles cortarão porque nós iremos exigir isto deles. Não pense você que o povo continuará eternamente caladinho como se todos fossem cordeirinhos.Esta sua maneira de pensar era a mesma dos membros da corte de Luís XVI. E o que aconteceu? Dispensável dizer. Vejamos o caso de Caicó. Algum dia aconteceu alguma manifestação de rua em Caicó? Algum dia os caicoenses foram às ruas clamar por segurança, educação ou saúde? Pois fique certo de que em breve acontecerão em Caicó manifestações de rua com o povo exigindo os seus direitos. O caicoense de hoje já não é mais o simplório de ontem que via o prefeito como o DONO da cidade e achava que estava devendo um favor por conseguir uma vaga no colégio para o filho. Hoje o caicoense mais humilde sabe que é ele que paga o salário dos professores e que o prefeito é um EMPREGADO dele, pois dele recebe salário, para gerenciar a cidade. Mesmo os políticos tudo fazendo para manter o povo na ignorância não estão conseguindo. A televisão aí está a mostrar a verdade. Digo que os políticos se esforçam para manter o povo na ignorância porque ofereci ao BATATA, pré-candidato a prefeito de Caicó, sugestões para melhorar a educação e ele não se interessou em ouvi-las. E olhe que deixei bem claro que nada cobraria por elas. Não há por parte dos políticos nenhum interesse em melhorar a educação. Mas há por parte do povo muito desejo de se esclarecer. E não é possível impedir o povo de se bem informar. A Igreja deveria participar mais e fazer campanhas de esclarecimento. Quando escrevo Igreja não me refiro somente à Igreja Católica, mas a todas as igrejas. Os Evangélicos e Espíritas têm obrigação de participarem mais da vida de todos os caicoenses. Cuidar do povo agrada a Deus. Um dia, Francisco, teremos uma sociedade menos injusta. E o tempo que levaremos para chegar ao que sonhamos só depende de nós mesmo. Você poderá ajudar divulgando o blog do João Sampaio e recomendando a leitura dos comentários que gostar. Você faz isto? Você envia aos seus contatos o que aqui lê e gosta? Pense nisto e participe desta corrente que fará nascer um novo Brasil. Obrigado por gostar da matéria. E saiba que você me elogia ao me chamar de sonhador. Sonhador eram John Lennon, Chaplin, Da Vinci e outra feras. Um abraço.

Francisco Antonio da Silva

maio 5, 2016, 4:42 am Responder

Imagine se esses dirigentes atual (Presidente interino, do senado, da câmara e os 7 ministros que estão enrolados no Petrolão fossem julgados pela “justiça ” provavelmente o Brasil se ajustaria mas eles falarem em corrupção, ladroeira e esse estarem envolvido também acredite se quizer(é mesmo que entregar o galinheiro as raposas) ou estou vendo vizagem????

Inácio Augusto de Almeida

maio 5, 2016, 12:45 pm Responder

ELEIÇÕES GERAIS JÁ!
E com nenhum indiciado ou condenado em qualquer instância por prática de improbidade podendo ser candidato. Mas isto só acontecerá se o povo brasileiro voltar às ruas. E como o povo não se organiza nem para cobrar o julgamento dos recursos que “DORMEM” nos Tribunais de Justiça, a coisa fica do jeito que os corruptos gostam. Enquanto eles conseguirem manter o povo dividido entre coxinhas e mortadelas nada de realmente positivo acontecerá. O povo tem que se unir e exigir CADEIA para todos os corruptos, sejam de que partidos forem. Fim desta balela de coxinhas e mortadelas, fim desta conversa mole de teu corrupto é mais corrupto do que o meu. Corrupto é corrupto. E lugar de corrupto é na cadeia. Aqui no RN poderíamos começar exigindo o julgamento dos recursos SAL GROSSO.Caicó poderia sair na frente e organizar uma manifestação de rua pedindo o julgamento de todos os recursos que há anos aguardam julgamento no TJRN e permitem que condenados continuem no exercício de cargos eletivos votando leis e aprovando orçamentos. Onde já se viu corrupto já condenado votando leis e aprovando orçamentos? Só mesmo no Brasil.

Francisco Borges

maio 5, 2016, 4:38 pm Responder

Meu amigo internauta Inácio Augusto de Almeida, concordo com você, não quero tirar ânimo, mas é pq acreditei tanto em mudanças que hj estou velho e as vejo chegarem,

Francisco Borges

maio 5, 2016, 4:42 pm Responder

Você acredita que Caicó mudou, eu não, e explico, não mudou pq a 40 anos vem elegendo os mesmos deputados ou é engano meu?

Inácio Augusto de Almeida

maio 5, 2016, 2:53 pm Responder

E o pior é que a opção que surge mais lembra um paraquedista. Será que Caicó não tem um filho da terra realmente preparado para assumir a prefeitura? Eu sempre me assusto com forasteiros que não têm raízes familiares na cidade. Tal qual a brisa da tarde, chegam e vão com uma facilidade incrível. O caicoense deve atentar para o fato de que pessoas vindas não se sabe bem de onde e menos ainda se sabe para onde irão depois de alcançarem seus objetivos podem causar um dano muito sério a Caicó.. Que compromisso com a cidade pode ter quem nela não nasceu, cresceu e pretende viver até o fim dos seus dias? Que todos pensem nisso. Preparar uma candidatura alternativa é preciso. Tenho certeza de que em Caicó existe algum profissional liberal filho da terra capaz de bem administrar a cidade.
/////
OS RECURSOS SAL GROSSO SERÃO JULGADOS EM MAIO? AGUARDEM!

Deixe uma resposta para Francisco Borges Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.