Polícia Civil e GTO de Patu prendem homem possivelmente envolvido com quadrilha de assalto a bancos


Policiais civis da delegacia de Patu, Umarizal, Campo Grande, DPCIN e DA e Policiais Militares do GTO PATU, em cumprimento à mandado de prisão expedido pela comarca de Campo Grande/RN, prenderam em flagrante Petronilo Costa Neto, com o flagranteado foram aprendidos 01 rifle calibre.38, 01 fuzil calibre 7,62, uma espingarda calibre 32, uma espingarda artesanal, 01 revolver calibre .38, bem como, 135 munições Calibre 7,62, 02 munições Calibre 12, 81 munições Calibre. 22, 85 munições Calibre 36, 02 munições Calibre. 45, 03 munições Calibre. 44.

Segundo o Delegado Paulo Nilo, os policiais civis vem investigando uma organização criminosa estabilizada na região de Janduís, responsável dentre outras ações no Estado do Rio Grande do Norte e Paraíba, de tentarem furtar com a utilização de explosivos a agência do BRADESCO da cidade de Brejo do Cruz/PB, sendo estes autores da tentativa de homicídio aos policiais Paraibanos e Potiguares que saíram em perseguição ao grupo na zona rural de Campo Grande/RN.

Segundo as investigações Petronilo Costa Neto, teria dado apoio logístico à parte da quadrilha. O flagranteado foi conduzido à cidade de Brejo do Cruz/PB, onde foi autuado em flagrante como incursos nos arts. 14 e 16 da lei no. 10.826/03.

Um familiar de Petronilo fez contato com o blog Jair Sampaio e afirmou que o idoso está na condição de vítima, mas que não podia dar detalhes, por enquanto, com medo de represálias do crime organizado. “Apenas vamos cobrar que a polícia investigue a fundo, sem que meu pai possa passar informações sobre os caras e correr risco de morte”, finaliza um dos filhos do idoso preso.

Escreva sua opnião

O seu endereço de e-mail não será publicado.