ACOMPANHE A APURAÇÃO
>

Insanidade: Prostituta mata cliente que propôs sexo com uma bebê de apenas 1 ano e 9 meses

Vicente de Souza tinha 49 anos e trabalhava em uma marmoraria
Vicente de Souza tinha 49 anos e trabalhava em uma marmoraria

Uma prostituta, de 23 anos, da região de Pouso Alegre, ao sul de Minas Gerais, matou o cliente após ele pedir para fazer sexo com ela, a irmã de 21 anos e a sobrinha de 1 anos e 9 meses.

Após a moça se recusar a atender o pedido do homem, os dois tiveram uma briga e Vicente de Souza, 49 anos, ficou desacordado. A prostituta entrou na boate onde trabalhava, buscou um facão e atingiu a cabeça e o rosto da vítima com vários golpes.

A Polícia Militar (PM) encontrou o corpo de Souza em frente a boate próximo a um Corsa. Ao bater na porta da boate que estava fechada procurando por suspeitos, a polícia foi atendida pela irmã da autora do crime que explicou o ocorrido.

Segundo Juliete como a boate estava fechada, ela a irmã e um namorado foram beber num bar à beira da rodovia, foi quando apareceu a vítima e os dois foram para a boate, já de madrugada acordou com um barulho de briga na porta e ao sair deparou com a irmã se atracando com o cliente, ela ainda conseguiu separar a confusão, foi quando a irmã entrou na boate pegou o facão e deu vários golpes na cabeça de Vicente. O facão foi encontrado em um matagal ao lado pela perita criminal.

A prostituta teve a prisão decretada e foi encaminhada ao Presídio de Pouso Alegre.

Fonte: Diário da Manhã

 

Escreva sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado.