Dilma poderá dizer não aos servidores do Judiciário vertando os reajustes

A presidente Dilma Rousseff classificou o reajuste de até 78% a servidores do Judiciário como “insustentável”. Ela fez a declaração após visitar a sede da empresa norte-americana Google, no Vale do Silício, no último dia da visita oficial aos Estados Unidos.

“É insustentável, um país como o nosso, em qualquer circunstância, dar níveis de aumento tão elevados”, declarou a presidente, que ressaltou que os valores comprometeriam o ajuste fiscal. O reajuste escalonado foi aprovado nesta terça-feira (30), em votação no Senado.

 

Escreva sua opnião

O seu endereço de e-mail não será publicado.