“Vocês param dois anos e eu não abro”, diz Fátima sobre paralisação da Polícia Militar

A Governadora Fátima Bezerra esteve reunida nessa sexta feira no QCG-PMRN (Quartel do Comando Geral de Polícia Militar) em Natal com associações de policiais e bombeiros militares do Estado para ouvir as reivindicações da tropa, no entanto não houve abertura no diálogo em longas horas de reunião sob os olhares do Comandante Geral da PM, Comandante Geral do Corpo de Bombeiros, Secretário da Casal Civil, Vice-governador a da Governadora.

Entre tantos pontos colocados à mesa, Fátima salientou do empoderamento do seu secretariado no tocante às diversas tentativas de negociações que já foram feitas através do primeiro escalão, contudo a categoria insistia em ser recebida por ela. “Meus secretários têm poder para resolver por mim”, contudo, fugindo o tema da reunião, Fátima detalhou demandas do seu Governo e no fim disse que “os militares podem parar 02 anos que seu Governo não abre”.

Presente na reunião em defesa dos militares, o Coronel Azevedo interviu e desmentiu a fala da chefe do Executivo: “Desculpe Governadora, mas a senhora enviou para a Casa Legislativa Potiguar um pedido de aumento para os procuradores estaduais que chega a 16% alegando que é ordem judicial, e isso não é verdade”. Já se despedindo dos comandantes e presidentes de associações, Fátima soltou a pérola: “Vocês param 02 anos e eu não abro”, e saiu.

Para os policiais, a piada da governadora fez “aumentar a fome com a vontade de comer”. O vice-governador Antenor Roberto, se mostrando preparado e preocupado, interveio no final de tudo e sentou em separado com os presidentes de associações, discutiu o tema recorrente e remarcou uma reunião com o Governo para a próxima quarta feira.

17 Comentários

Luciano

jun 6, 2019, 12:42 pm Responder

Essa governadora euma ditadora. Ta ai povo do RN quem voces colocaram no poder

Carlos Eduardo.

jun 6, 2019, 2:17 pm Responder

Kkkkkkkkkkk.
Esse governo é PT, veio pra lascar todos nós.. não sentimentos com a categoria.. é veneno puro da obra de coral…tamos lascadissimos…

Joao ninguém

jun 6, 2019, 3:55 pm Responder

É a polícia para e ela GD chama os mst e demais desordeiros da laia dela para nos defender……

*

jun 6, 2019, 4:26 pm Responder

A gloriosa não precisa passar por essa humilhação não, msm sabendo q quem vai pagar o maior preço somos nós da sociedade.esse governadora não estar nem ae pra classe.

Jacó Silva

jun 6, 2019, 4:46 pm Responder

Agora quando pararem, não vá pedir pinico a Sérgio moro, para enviar guarda nacional. Te vira petista e o povo do RN vai pagar a conta de ter te reeleito.

Antônio Thomé

jun 6, 2019, 8:08 pm Responder

Essa senhora além de desequilibrada mentalmente não mede as possíveis consequências de suas palavras que afrontam a classe policial.

guilherme

jun 6, 2019, 8:16 pm Responder

é um absurdo os procuradores que já ganham tão bem e para nós, servidores esquecidos pelo governi, nada.

LUIZ TRINDADE

jun 6, 2019, 8:18 pm Responder

Demonstração explícita de despreparo, analfabetismo e associação ao banditismo do Estado…

Ricmoranis

jun 6, 2019, 8:34 pm Responder

Tinha que ser de esquerda para não gostar de polícia!! Tá vendo em dona Fulana de Tal da Silva Sauro!! Vulgo governadora!! Kkkkkkkkkkk

jonas

jun 6, 2019, 9:41 pm Responder

Essa e a governadora dos trabaldores

mauri

jun 6, 2019, 9:15 am Responder

Essa comunista, nazista, socialista psicopata, esquerdopata, deseducadora, anarquista. Nunca enganou aos seus eleitores dirá aos não eleitores.

Carlos Alberto Matias de Lima

jun 6, 2019, 11:02 am Responder

É evidente o despreparo da governadora para tratar das demandas dos servidores, aqueles mesmos a quem ela prometeu tudo nas eleições. Ela sabia da situação caótica das finanças do Estado e agora quer impor sua vontade. Se os policiais pararem e o “salve” do PCC for verdade, estaremos condenados a enfrentar o caos novamente na segurança pública. Alertem a gestora.

Alcides

jun 6, 2019, 2:00 pm Responder

PTista não presta!

Medeiros

jun 6, 2019, 9:04 pm Responder

Já tem gente e classe trabalhadora arrependida e aínda é apenas o sexto mês de desgoverno, tem mais três anos e meio pela frente, se ela der dinheiro para a assembleia legislativa, eles mantêm ela até o final de seu desgoverno.

João Carlos

jun 6, 2019, 2:56 pm Responder

Quando a irresponsabilidade beira a insanidade!
Independente do não direito à greve por parte da categoria, essa senhora devia saber que não há sociedade ativa sem a presença preventiva e coercitiva do estado, caso a Polícia Militar “paralise” combater o crime. Pois eu digo: … a Sra governadora “abre” em duas semanas.
O que espero sinceramente é que a sensatez do Vice governador e dos militares, obtenham um mínimo acordo, e não deixem o POVO, já tão sofrido, pagar pra ver.

Cristiano

jun 6, 2019, 10:36 pm Responder

Infelizmente temos um rdpm que nos segura, ela se aproveita disso. Pq se fizermos greve seremos punidos. Mas se pararmos ela não aguenta uma semana!

ROOSEVELT ARILMES MUNIZ DE ALBUQUERQUE

jun 6, 2019, 6:48 pm Responder

TIVEMOS 8 ANOS DE ATRASO COM OS GOVERNOS ROSALBA E ROBISON
FATIMA VEIO PRA FECHAR O CAIXÃO E ENTERRAR O RN
SUPERINCOPETENTE ARROGANTE DESPREPARADA
QUEM VOTOU NESTA INUTIL NÃO RECLAME

Escreva sua opnião

O seu endereço de e-mail não será publicado.