Corrupção na veia: “Carne Fraca” alimentava crianças na escola

A maior operação da Polícia Federal já vista no Brasil mostra um lado da história que os brasileiros não sabiam, carne podre alimentavam crianças em escolas e boa parte da população, quem compra produtos da Sadia, Perdigão, Friboi e Seara, correm risco da má alimentação, uma questão de saúde pública que era resolvida com dinheiro fraudulento pago a Agentes Federais e a políticos.

Entre os 309 mandados judiciais e 38 mandados de prisão, alguns deles serviram para locar Agentes Federais, Executivos e Empresários presos e até o novo ministro da justiça, acabou de ser nomeado, Osmar Serraglio, foi flagrado em escutas tentando defender umas das empresas envolvidas no escândalo da CARNE FRACA, ou mesmo, carne podre. A notícia se espalha pelo mundo a fora.




1 Comentário

Fran

mar 3, 2017, 8:11 pm Responder

Que bom, agora saberemos quem são os donos verdadeiros da Friboi, e se o filho de Lula é realmente um deles. Para quem comia dessas carnes podres pensando que estava comendo algo saudável, com certeza é uma grande preocupação, pois com saúde não se brinca. Quanto ao envolvimento do PMDB, é a hora de gritarmos cada vez mais alto: FORA TEMER!!!!!

Deixe uma resposta para Fran Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.