BOLSONARO: “Pessoas que vivem na informalidade são as mais prejudicadas com a Coronavírus”

Projeto no Senado torna infração a inclusão de pessoas em grupos de WhatsApp sem autorização prévia do usuário

A inclusão em grupos do WhatsApp, páginas e comunidades virtuais deverá ser feita apenas com consentimento prévio dos internautas. É o que diz o projeto de lei da senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), aprovado nesta quarta-feira (7) pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ). O projeto modifica o Marco Civil da Internet (Lei 12.965/14).

Conforme a proposta, os usuários com contas no Facebook, Whatsapp ou Telegram, por exemplo, teriam de ser consultados antes de serem incluídos em cadastros ou receberem convites para participar de eventos em redes sociais.

O projeto também especifica quem vai responder pelo descumprimento dessa exigência. Em primeiro lugar, o ônus da prova sobre o consentimento do usuário caberá ao provedor da aplicação. A empresa terá a obrigação de reparar os danos decorrentes do uso indevido dos dados do internauta.Mais >

Com nota máxima em segurança, Virtus é oficialmente lançado pela Volkswagen

Anunciado, revelado, mostrado e agora…oficialmente lançado. A Volkswagen traz, enfim, o Virtus. Fruto de uma mudança conceitual na marca (que envolveu até um mega investimento), o sedã foi entregue na noite desta segunda-feira (22), em um evento cheio de pompas no Ibirapuera, em São Paulo. Inicia sua história no Brasil em três versões e preços que vão de R$ 59.990 a R$ 79.990.

A própria Volkswagen define o Virtus como um carro global, inédito e que apresenta novas percepções em design, inovação e performance. O Brasil será o primeiro mercado do mundo a comercializar o Volkswagen Virtus, a partir de fevereiro e dentro da Estratégia Modular MQB. Mais >

Há chance real de uma intervenção militar no Brasil?

O general do Exército Antonio Hamilton Martins Mourão provocou enorme polêmica ao defender a possibilidade de intervenção militar no país para conter a corrupção caso as instituições políticas não consigam resolver a situação.

“Ou as instituições solucionam o problema político, pela ação do Judiciário, retirando da vida pública esses elementos envolvidos em todos os ilícitos, ou então nós teremos que impor isso”, disse Mourão em palestra realizada na noite de sexta-feira (15), na Loja Maçônica Grande Oriente, em Brasília.

Diante da repercussão, a Gazeta do Povo foi atrás de respostas para cinco questões sobre o tema: a intervenção militar é constitucionalmente possível; existe a possibilidade real de ela ocorrer na prática; o que está por trás do apoio de parcela da população a essa ideia; e o que poderia ocorrer se os militares tomassem o poder?Mais >

RN ultrapassa os 3,5 milhões de habitantes em 2017, estima IBGE

O Rio Grande do Norte ultrapassou a barreira dos 3,5 milhões de habitantes, de acordo com as estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) diulgadas nesta quarta-feira (30) no Diário Oficial da União. Apesar disso, estado apresentou uma dos menores crecimentos populacionais do país.

Entre todos as unidades federativas do Brasil, o estado tem a 17ª população, com um total de 3.507.003 habitantes. No Nordeste, ele fica na sexta colocação, atrás da Bahia (15.344.447), Pernambuco (9.473.266), Ceará (9.020.460), Maranhão (7.000.229) e Paraíba (4.025.558).

Junto com Alagoas, o RN teve crescimento de apenas 0,5% da população, entre 2016 e 2017. O aumento percentual só foi maior que o do Rio de Janeiro (0,32%) e Bahia (0,44%).

Ainda de acordo com o IBGE, Natal conta com 885.180 moradores e fica entre as 16 maiores capitais do país, à frente inclusive das capitais de estados mais populosos, como João Pessoa (PB) e Florianópolis (SC). Segundo maior município do estado, Mossoró chegou a 295.619 habitantes e Parnamirim, em terceiro, 254.709.

Mais >

Robinson pede empréstimo a bancos para pagar servidores em dia

O governo aprofundou tratativas com bancos públicos para viabilizar recursos para a recuperação financeira do Rio Grande do Norte. Em Brasília, o governador Robinson Faria, e o secretário de Estado da Gestão de Projetos, Vagner Araújo, estiveram reunidos nesta terça-feira (1º) com dirigentes do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal.

Em audiência com os presidentes do Banco do Brasil, Paulo Rogério Caffarelli, e da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi, o governador negociou um conjunto de operações que poderão equacionar a situação financeira do RN. O encontro também contou com a participação do deputado federal Fábio Faria.Mais >

Brasil está no topo de ranking de ativistas ambientais assassinados

Com 49 mortes, em 2016, o Brasil continua no topo do ranking dos países com número de ativistas ambientais mortos. A informação é da ONG Global Witness.

Em todo o mundo foram pelo menos 200 ativistas assassinados no período. Cerca de quatro pessoas por semana. Segundo a organização é o maior número de mortes de ativistas ambientais registrados, em um ano, pela ONG.

Legislação não diz quem pode se candidatar a presidente se Temer cair

Com a (grande) possibilidade de que o governo de Michel Temer (PMDB) não resista à delação da JBS, o país passa a se perguntar quem será o próximo Presidente da República? Quais serão os candidatos? As respostas para essas perguntas são uma enorme incógnita, diante da fragilidade da regulamentação do processo de eleição indireta no país.Mais >

Brasil está no topo quando o assunto é violência contra professores

Segundo pesquisa divulgada pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), feita com mais de 100 mil professores e diretores de instituições de ensino do segundo ciclo do ensino fundamental e do ensino médio (alunos de 11 a 16 anos), o Brasil é o líder do ranking quando o assunto é violência nas escolas.

No Brasil, 12,5% dos docentes afirmaram sofrer agressões verbais ou intimidações por parte dos alunos ao menos uma vez na semana. Tal índice é o mais alto entre os mais de 34 países pesquisados. Em um comparativo entre eles, a média mundial é de 3,4%.  Em segundo lugar nesse ranking aparece a Estônia, com 11%, e em terceiro a Austrália, com 9,7%. Mais >

Operação com o Potiguar-1 visa prender bando que explodiu bancos em Caraúbas

Continua uma mega operação com militares do 2º BPM (Mossoró), 7º BPM (Pau dos Ferros), 10º BPM (Assu), Polícia Civil de várias cidade e homens do 12º  BPM (Mossoró) para tentar chegar ao bando que explodiu dois bancos na cidade de Caraúbas.Mais >

Justiça mantém prazo até hoje para divulgação da lista suja do trabalho escravo

Brasília, 07/03/2017 O presidente do Tribunal Regional do Trabalho de Brasília (TRT), desembargador Pedro Luís Vicentin Foltran, negou o pedido da União e do ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, e manteve o prazo até amanhã (7) para que seja publicado o Cadastro de Empregadores flagrados com mão de obra análoga à de escravo, conhecido como lista suja. A União e o ministro tentavam suspender uma liminar em ação civil pública, ajuizada pelo Ministério Público do Trabalho no Distrito Federal (MPT-DF), que mandava publicar a lista.

Em seu despacho, o desembargador refutou os argumentos que a lista não podia ser publicada. “De fato. Não se ignora a potencialidade nociva que a divulgação de dados errôneos, eventualmente existentes no cadastro, possam gerar ao ente público e aos administrados, pois a associação de empresas ao trabalho em condições análogas ao de escravo é situação que provoca efeitos negativos para a imagem dos envolvidos que, comumente, não são minorados ou esquecidos pela sociedade no decurso do tempo. Mais >

Com mais 900 mil pessoas em três meses, desemprego atinge 12,9 milhões no País

O mercado de trabalho brasileiro iniciou 2017 com o pé esquerdo. Entre outubro de 2016 e janeiro de 2017, o Brasil contabilizou mais 879 mil desempregados e, com isso, o País alcançou 12,9 milhões de desocupados no trimestre encerrado no primeiro mês do ano.

Esse contingente representa uma taxa de desocupação de 12,6%. Os dados constam da Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio), divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) nesta sexta-feira (24).

Em comparação com o trimestre encerrado em janeiro de 2016, o mercado de trabalho brasileiro somou 3,3 milhões de desempregados no período.Mais >

Corrupção faz Brasil perder R$ 200 bilhões por ano

A Organização das Nações Unidas (ONU) apontou que o Brasil perde cerca de R$ 200 bilhões com esquemas de corrupção por ano, disse o procurador federal Paulo Roberto Galvão, que faz parte da Operação Lava Jato. “Somente no caso da Petrobras, os desvios de recursos de forma ilegal envolvem entre R$ 30 bilhões e R$ 40 bilhões, o que consta inclusive de um estudo da Polícia Federal”, destacou o procurador.Mais >

Estudantes estrangeiros de graduação e pós-graduação poderão trabalhar legalmente no Brasil

12bp

Uma nova resolução do Conselho Nacional de Imigração autoriza estudantes estrangeiros de graduação ou pós-graduação no Brasil a trabalharem legalmente no país. A medida, publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (22), vale também para aqueles que já terminaram os cursos e pretendem permanecer no Brasil.Mais >

Mulheres são humilhadas e têm cabeças raspadas por traficantes no Rio e na Bahia

0000-3

O interrogatório acontece na cozinha de uma casa na Ladeira dos Tabajaras, na zona sul do Rio de Janeiro. O chão está tomado por cabelos de três mulheres cortados à força. De cabeças raspadas, elas são questionadas a tapas e chineladas por traficantes do Comando Vermelho.Mais >

Três Poderes se unem contra a crise e STF mantém Renan no comando do Senado

0a

Depois de dois dias de intensas negociações, que se arrastaram pela madrugada desta quarta-feira (7), o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, por 6 votos contra 3, manter o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), no cargo. Mais >

Protestos contra corrupção e pró Lava Jato em 205 cidades encurralam o Congresso

12bpm1

Os gritos de “Fora, Renan” traduziram o sentimento da população que foi às ruas protestar contra a corrupção, neste domingo (4). O movimento Vem Pra Rua estima que as manifestações ocorreram em 205 cidades, distribuídas em 18 estados mais o Distrito Federal.Mais >

CCJ discute a vaquejada: Agripino ressalta que a atividade é ‘econômica e primordial’

Durante o debate da proposta de emenda à Constituição (PEC 50/2016) que regulariza a vaquejada no Brasil, o senador José Agripino (RN) ressaltou a importância do esporte não somente para o nordeste como para todo o Brasil. O parlamentar, que também é presidente nacional do Democratas, lembrou que a atividade emprega milhares de famílias e que, em relação à proteção aos animais, todos os cuidados são tomados. Mais >

Ritmo do desenvolvimento da infraestrutura de transporte não acompanha tecnologias disponíveis

O desenvolvimento da malha ferroviária é estratégico no contexto da economia brasileira, uma vez que o crescimento da produção interna e das exportações exige melhoria no cenário da logística de transportes. A solução de gargalos logísticos e novos investimentos em projetos de infraestrutura viabilizariam o ganho em competitividade e impactariam positivamente na redução de custos.

O diretor-executivo da Associação Nacional dos Transportes Ferroviários (ANTF), Fernando Paes, explica que o equilíbrio da matriz de transportes é essencial para um país continental e exportador de commodities minerais e agrícolas. Para Paes, o aumento da participação do modal ferroviário depende, de um lado, nos projetos “greenfield” anunciados pelo governo federal e, de outro, da prorrogação antecipada dos contratos de concessão.Mais >

Petrobras reduz preço da gasolina e do diesel

000

A partir de zero hora deste sábado (15), o preço do diesel nas refinarias da Petrobras será reduzido em 2,7%, e o valor da gasolina, em 3,2%. Essas reduções fazem parte da nova política de preços, anunciada nesta sexta-feira (14) pela estatal.

De acordo com a Petrobras, a lei brasileira garante liberdade de preços no mercado de combustíveis e derivados, e por isso a redução nas refinarias pode ou não se refletir no preço final aos consumidores.Mais >