Membro de facção paulista, foragido da Cadeia de Mossoró, é preso na Paraíba


Na manhã deste sábado (24 de março) policiais militares da ROTAM (Rondas Ostensivas Táticas com Apoio de Motocicletas) do 12º BPM efetuaram a prisão de um foragido da Justiça do Rio Grande do Norte na cidade de Brejo do Cruz, sertão paraibano.

A guarnição realizava rondas de rotina no centro da cidade quando se deparou com dois indivíduos em uma moto de cor vermelha, momento em que os PM’s resolveram fazer um abordagem e, ao ser feita uma consulta junto ao Banco Nacional de Mandados de Prisão, foi verificado que contra o carona havia um mandado de prisão expedido pela comarca de Mossoró-RN, em virtude de o indivíduo ter fugado da cadeia pública da cidade.Mais >

Aeronave usada para matar lideres do PCC no CE fez pouso no RN, segundo a polícia


Os responsáveis pela morte de Rogerio Geremias de Simone, o Gegê do Mangue, e Fabiano Alves de Souza, Paca, estiveram no Rio Grande do Norte para reabastecer o helicóptero usado no crime e eliminar provas.

De acordo com a Polícia Civil, eles estiveram na cidade de Santo Antônio, a 75 quilômetros de Natal, no mesmo dia em que os dois foram encontrados mortos, em 16 de fevereiro passado.

Gegê e Paca foram torturados e assassinados em uma reserva indígena no estado do Ceará. Os dois eram apontados pelo Ministério Público como membros do Primeiro Comando da Capital (PCC).Mais >

SEJUC confirma as identidades dos presos achados mortos e decapitados em Alcaçuz


Como nossa reportagem (Blog Jair Sampaio) já havia confirmado em primeira mão, nessa manhã, 26, que os dois presos mortos em Alcaçuz seriam dois membros do PCC, chefes do tráfico de drogas na favela do Mosquito e Japão.

Lázaro Luís de França Ferreira, tinha 34 anos de idade e era conhecido como no mundo criminoso como “Nego Lázaro”. O segundo é Shakespeare Costa de França, morto aos 24 anos, chamado no mundo do crime de ‘Sheik’. 

Suposto ‘integrante do PCC é morto a tiros’ em Caicó; a namorada também foi atingida


Na noite deste domingo (17), a Policia Militar de Caicó registrou um homicídio seguido por uma tentativa de homicídio nas proximidades do Clube ACASSEC, zona leste de Caicó.

Um homem identificado como Tales de Assis Miranda, 20 anos, natural de Natal e residente em Caicó, foi assassinado a tiros por dois homens que se locomoviam em uma motocicleta.

Tales estava na sala de uma pequena residência, localizada na rua Francisco Dantas, no bairro Canuto e Filhos. Os dois homens adentraram no local e dispararam várias vezes contra a vítima, que logo foi a óbito.Mais >

Presídio federal de Mossoró tem visitas liberadas


A penitenciária federal de Mossoró voltou a receber visitas, que estavam suspensas desde maio. A medida beneficia também os outros três presídios federais do Brasil, Catanduvas (PR), Porto Velho (RO) e Campo Grande (MS).

A liberação veio através de portaria do Ministério da Justiça publicada nesta segunda-feira (7). A portaria mantém a proibição para as visitas íntimas, mas voltou a permitir visitas sociais.

Líderes sindicais ligados aos agentes penitenciários federais afirmam que a medida coloca em risco a vida dos servidores que, segundo investigações, estariam sob ameaça de presos do PCC (Primeiro Comando da Capital).

As visitas íntimas e sociais em presídios federais haviam sido suspensas em maio deste ano, após as mortes de três agentes penitenciários. Investigações conduzidas pela Polícia Federal indicam que líderes do PCC deram a ordem para as execuções para “intimidar e desestabilizar” os agentes penitenciários federais tidos pelos detentos como “opressores”.

O segundo homem da facção ‘PCC’ no RN é executado a tiros dentro do carro em Natal


Nessa madrugada, 07 de agosto, Eduardo Rodrigues, mais conhecido como Eduardinho do Mosquito, foi vítima de emboscada quando transitava em seu carro na rotatória de acesso à cidade de Extremoz. Além dele, sua companheira estava a bordo do veículo, ela ficou ferida.

Eduardinho era irmão do traficante ‘Joel do Mosquito’, também morto na favela do Mosquito no ano de 2015, ele que era o número 1 do estado na poderosa facção PCC, deixando o comando para o seu irmão, morto hoje, Eduardinho. O bandido foi ao Mosquito visitar a mão dele.Mais >

MP deflagra operação contra o PCC no RN


Após quase dois anos de investigação, o Ministério Público do Rio Grande do Norte deflagrou nesta sexta-feira (16) uma operação contra integrantes de uma facção criminosa que coordenavam – de dentro de presídios – ações relacionadas ao tráfico de drogas, roubo de veículos, estouros de caixas eletrônicos, homicídios, estruturação da facção, entre outros.Mais >

BPChoque neutraliza foragido da Justiça e apreende fuzis e submetralhadora em Parnamirim


Militares do Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) neutralizaram, nesta terça-feira (13), um foragido da Justiça do sistema prisional do Rio Grande do Norte após confronto em Parnamirim, na Grande Natal. 
A equipe estava realizando patrulhamento na região, quando recebeu informação que um foragido estaria escondido em uma residência no bairro Nova Esperança. Chegando no local indicado, os policiais se identificaram. Nesse momento, os PMs foram recebidos a tiros e tiveram que revidar.Mais >

Condenação de Dão do PCC pela morte de F. Gomes foi reduzida de 27 para 21 anos


Segundo informa o blog de Sidney Silva, O caicoense, João Francisco dos Santos, também conhecido como “Dão”, que foi identificado pela Polícia Civil recentemente como sendo membro do Primeiro Comando da Capital – PCC e um dos líderes que comandou a rebelião no Presídio de Alcaçuz, em Nísia Floresta/RN, que terminou com dezenas de mortos, é o mesmo que matou o jornalista Francisco Gomes de Medeiros em Caicó, no dia 18 de outubro de 2010.Mais >

Polícia acredita que bandido que matou Agente da Civil em Patos/PB era do PCC


1o18

Conforme informações do Portal Patos, dois homens foram presos pela Polícia Rodoviária Federal e entregues à delegacia de homicídios de Patos, porém o motivo da prisão não foi até o momento divulgado. Uma suspeita é de que os dois pertencem à Facção Criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) e possivelmente houvesse Mandados de Prisões expedidos.Mais >

Em vídeo, o PCC diz que tudo começou em Caicó e o governo nada fez para separá-los


No vídeo, o PCC diz não querer mais ser oprimido, e que a facção não admite baderna, que queima escolas e outros prédios públicos. No comunicado, a facção diz que se o governo não intervir, vai ter mais derramamento de sangue.Mais >

Vice-presidente dos direitos humanos admite que recebia mesada do PCC


A verdade chegando…

0a

O vice-presidente do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana (Condepe), Luiz Carlos dos Santos, admitiu em depoimento à Polícia Civil de São Paulo que recebia uma mesada do PCC para prestar serviços à organização criminosa.Mais >

Operação prende vice de Direitos Humanos e advogados suspeitos de colaboração com o PCC


11aa

Uma operação do Ministério Público Estadual e da Polícia Civil cumpre, na manhã desta terça-feira (22), 41 mandados de prisão, busca e apreensão contra advogados e outros investigados suspeitos de ligação com a facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) em várias cidades do Estado de São Paulo.

As investigações foram iniciadas pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão do Crime Organizado (Gaeco) em Presidente Prudente, onde já foram efetuadas prisões. Na região de Campinas, ao menos três advogados foram detidos.Mais >

Bandidos do PCC fazem demonstração de força em presídio cearense e postam vídeo nas redes sociais


4
Numa prova incontestável do total descontrole que hoje atinge do Sistema Penitenciário cearense, presos de uma das principais unidades carcerárias da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) gravaram um vídeo e postaram nas redes sociais. As cenas são fortes e mostram os detentos realizando uma demonstração de força da facção criminosa PCC. Mais >

Foragido do presídio de Caicó é preso pela PM de Mossoró e ainda confessa ser inimigo nº1 do PCC

De acordo com a equipe do Passando Na Hora, o acusado preso em Mossoró deu nome errado por ter inimigos na facção PCC.

O homem identificado, a princípio, como  sendo Francinaldo da Silva Gama,31 anos de idade residente na Rua Santana no Bairro Pintos na cidade de Mossoró no Rio Grande do Norte, e que foi preso pela Polícia Militar acusado de ter praticado um assalto a um ônibus de transporte coletivo na manhã desta sexta feira 28 de agosto de 2015 no Alto de São Manoel, deu o seu nome errado.

Segundo o Policial Civil Wilson, conhecido como o “O Olho de Gato”, o verdadeiro nome foi descoberto pela 4ª Equipe comandada pelo bacharel Dr. Roberto Moura, como sendo Francinaldo Gama de Brito, e o mesmo é foragido desde o ano 2008 do presídio de Caicó-RN.

Ainda de acordo com Wilson após ele ser questionado por ter dado o nome errado, ele informou temer o comando PCC onde segundo ele tem vários inimigos na facção. O mesmo será conduzido a Cadeia Pública e ficará a disposição da justiça. As vítimas o reconheceram como sendo sim o autor do assalto ao ônibus de trasporte coletivo na manhã desta sexta feira no grande Alto de São Manoel.